Cinema Solidário leva NAP a regiões remotas do Brasil

 

O projeto itinerante “Cinema Solidário” leva o filmNada a Perder a diversas regiões do País para pessoas que não têm acesso ao cinema tradicional. Já foram 73.214 km rodados

O ônibus sairá do Brasil com destino a Buenos Aires, Argentina, na quinta-feira (26), para exibir o filme. A história poderá ser vista no Japão, na América Central e em cinco países da América do Sul

Recentemente, o projeto chegou a Aracruz, no Espírito Santo, onde cerca de 250 índios assistiram ao filme. “Foi um privilégio para nós, indígenas, [porque] não temos condições de levar nossos filhos ao cinema”, diz um dos integrantes da comunidade

O “Cinema Solidário” também levará a produção cultural às penitenciárias de todo o País. O filme foi exibido no presídio de Pedrinhas, no Maranhão, e será apresentado em mais de 200 outras penitenciárias no período de dois meses

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *