Direção de arte em Nada a Perder impressiona

Direção de arte e caraterização de Petrônio Gontijo como o bispo Edir Macedo marcam pré-estreia estrelada da cinebiografia

​Plateia lotada e ilustre.

Artistas, empresários e políticos ocuparam os mais 1.400 lugares do Teatro Bradesco, em São Paulo, na noite de ontem (27), na pré-estreia nacional do filme Nada a Perder

Petrônio Gontijo vive o bispo Edir Macedo
Petrônio Gontijo vive o bispo Edir Macedo

O longa-metragem conta a história do bispo Edir Macedo, líder de um dos maiores movimentos de fé do mundo.

Com direção de Alexandre Avancini, a cinebiografia é marcada por uma direção de arte apurada.

A riqueza de detalhes na representação de São Paulo e Rio de Janeiro nos anos de 1980 e 1990 impressiona. Carros, roupas, casas, tudo recria a atmosfera da época retratada no filme, ajudando a desenvolver visualmente a realidade da história.

No elenco, destaque para Day Mesquita, como Ester Bezerra, mulher do bispo Macedo.

Mas o trabalho se completa mesmo é com a caracterização do protagonista, Petrônio Gontijo. Aos 49 anos, o ator vive brilhantemente Edir Macedo em várias fases da vida. Petrônio, que tem em torno de 1,77 de altura e uma musculatura forte, consegue surgir na tela exatamente com o mesmo porte físico do líder religioso.

No filme, a caracterização de Petrônio não se confunde com uma mera identificação. O ator cumpre a missão de revelar o protagonista em três dimensões: física, sociológica e psicológica.

Petrônio anda, sorri e fala como o bispo Edir Macedo. 

O jeito de mostrar os dentes e até o apertar dos olhos remete diretamente ao personagem, que envelhece aos olhos do público.

Público esse repleto de autoridades e celebridades.

A pré-estreia de Nada a Perder em São Paulo reuniu quase todo o casting da Record TV, como Rodrigo Faro, Gugu Liberato, Sabrina Sato, Ticiane Pinheiro, César Filho, Fabíola Reipert, Reinaldo Gottino, Luiz Bacci, Celso Freitas, Paulo Henrique Amorim, Adriana Araújo, os apresentadores Cristiane e Renato Cardoso, entre outros.

O evento ainda contou com a presença de Lívia Andrade, Mara e Larissa Manuela, do SBT, Edu Guedes, da Rede TV!, Celso Zucatelli, Danielle Winits, os cantores Zezé Di Camargo, Luciano, Henrique, Diego, Belutti, os empresários Flávio Rocha e a presidente da Crefisa, Leila Pereira, além do CEO e do diretor artístico do SBT, José Roberto Maciel e Fernando Pelégio (respectivamente).

Entre os políticos presentes estavam o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, o prefeito João Doria e o presidente do PRB, Marcos Pereira.